Prefeitura de ST divulga ações na zona rural

  Em sete meses a Prefeitura de Serra Talhada vem contabilizando várias conquistas para zona rural, num esforço do executivo através da sua Secretaria de Agricultura que tem buscado parcerias e captação de recursos para serem aplicados em favor das famílias do campo. Esta tem sido uma marca do prefeito Luciano Dique que sempre teve […]

10 de agosto de 2013 | 19:08

 

Em sete meses a Prefeitura de Serra Talhada vem contabilizando várias conquistas para zona rural, num esforço do executivo através da sua Secretaria de Agricultura que tem buscado parcerias e captação de recursos para serem aplicados em favor das famílias do campo.

Esta tem sido uma marca do prefeito Luciano Dique que sempre teve um olhar especial para esta área. Na sua visão, o investimento no campo abre “novas fronteiras de produção que além de melhorar a condição de vida dos agricultores, abastece a cidade e faz girar a economia”, declara Duque.

Programas que atendem a agricultura familiar, como é o caso do “canteiro de latada”, já é uma ação permanente da prefeitura de Serra Talhada e atende atualmente mais de 200 famílias. Os técnicos da Secretaria investem agora em hortas comunitárias, procurando assim atender um número maior de pessoas.

A Secretaria de Agricultura vem recuperando as estradas vicinais que ligam os distritos à sede do município para fazer escoar melhor a produção do campo e já conseguiu em parceria com o INCRA o piçarramento e emboeiramento das estradas que liga os assentamentos Virgulino Ferreirta, Gilvan Santos, Poldrinhos e BelaVista, uma obra no valor de R$ 4.3 milhões que já está em fase de licitação.

São diversos os programas, alguns em andamento outros em fase de conclusão que hoje modificam a realidade rural de Serra Talhada, entre eles projetos como: Leite de Serra, Programa Balde Cheio, aquisição de patrulha mecanizada, manutenção de poços artesianos, adutora de Luanda, recuperação de dessalinizadores, projeto Algodão Aroeira, implantação de sementeira de palma forrageira, eletrificação trifásica das margens da barragem de serrinha, construção de 20 barragens de terra, perfuração e instalação de 30 poços artesianos, capacitação e atendimento aos agricultores.

Conforme declara José Pereira, secretário de Agricultira do Município, são recursos superiores a R$ 12 milhões, alguns já em andamento e outros para serem dado início. “A partir de 2014 a realidade rural de Serra Talhada será outra, extremamente positiva para o homem do campo”, declara ele e revela que projetos como o do Algodão e o da Palma Forrageira podem se transformar na redenção sertaneja. “Todo dia venho ver isto aqui, são como meus filhos”, diz Pereira se referindo as mudas de Palma, em crescimento no  viveiro  mantido pela sua secretaria.Canteiro de Latada

O prefeito Luciano Duque compartilha do otimismo do secretário e acredita que apesar da crise enfrentada por toda região devido a falta de chuvas, será uma “página virada” no ano de 2014.