Bairro Vila Bela vai ter “Canteiro de Latada”

O novo bairro Vila Bela em Serra Talhada, beneficiado pelo programa “Minha Casa, Minha Vida”, do Governo Federal, com 899 residências, receberá o projeto de sustentabilidade alimentar “Quintal Produtivo – Canteiro de Latada”. A iniciativa é da Secretaria Municipal de Agricultura Familiar, seguindo determinação do prefeito Luciano Duque, que vem expandindo o projeto entre famílias […]

21 de agosto de 2013 | 19:16

Latada 1O novo bairro Vila Bela em Serra Talhada, beneficiado pelo programa “Minha Casa, Minha Vida”, do Governo Federal, com 899 residências, receberá o projeto de sustentabilidade alimentar “Quintal Produtivo – Canteiro de Latada”. A iniciativa é da Secretaria Municipal de Agricultura Familiar, seguindo determinação do prefeito Luciano Duque, que vem expandindo o projeto entre famílias da zona rural e, agora, da cidade.

O “Canteiro de Latada” foi inaugurado no assentamento de reforma agrária São Lourenço no mês de abril, na Capital Xaxado, beneficiando, inicialmente, cerca de 300 pessoas que moram no povoado. O projeto visa montar canteiros de hortas orgânicas nos quintais de cada residência.

O secretário de Agricultura, José Pereira, já começou a mobilizar os moradores do bairro Vila Bela para detalhar como funcionará o projeto na localidade, que vai contar com a parceria das secretarias de Meio Ambiente e Desenvolvimento Social. Além da doação de sementes, a prefeitura dará assistência técnica para cada família no trabalho de criação e acompanhamento das hortas. 

A segunda reunião com os moradores do bairro sobre o projeto “Canteiro de Latada” aconteceu nesta terça-feira (20) e foi muito bem recebida pelos beneficiários do Minha Casa, Minha Vida. 

Preocupado com o meio ambiente, o prefeito Luciano Duque vem somando esforços para tocar a missão de implantar uma cultura sustentável no município.

Vários projetos já estão em curso neste sentido em Serra Talhada. Entre eles, a implantação de coleta seletiva na cidade, o apoio à cooperativa de catadores de material reciclável e a criação de uma secretaria voltada unicamente para o meio ambiente.