ST fechou convênios com Governo Federal e Estadual para beneficiar a zona rural

Cerca de 600 famílias moradoras da barragem de Serrinha e seu entorno, na zona rural de Serra Talhada, foram beneficiadas com o fechamento de convênios entre a prefeitura e os governos estadual e federal. Os ribeirinhos acolheram, em solenidade na manhã deste sábado (26), o secretário estadual de Agricultura, Aldo Santos, o prefeito Luciano Duque […]

28 de outubro de 2013 | 16:30

mst 1

Cerca de 600 famílias moradoras da barragem de Serrinha e seu entorno, na zona rural de Serra Talhada, foram beneficiadas com o fechamento de convênios entre a prefeitura e os governos estadual e federal. Os ribeirinhos acolheram, em solenidade na manhã deste sábado (26), o secretário estadual de Agricultura, Aldo Santos, o prefeito Luciano Duque e diretores do Incra (Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária) para assinatura, primeiro, de ordem de serviço junto ao órgão federal, com vistas ao melhoramento de 44 km de estradas vicinais.

Segundo, junto ao Governo do Estado, que por sua vez deu o ponta pé inicial em um programa importante para o enfrentamento da seca na região. Aldo Santos anunciou a instalação de sistemas simplificados de plantio de milho forrageiro ao longo de 20 hectares da barragem de 311 milhões de metros cúbicos de água. Junto ao Incra, o convênio que vai realizar o piçarramento, embueiramento e construção de passagens molhadas ao longo do percurso, foi assinado no valor R$ 3,300.716,43. A empresa contratada para o trabalho será a Novidade e Serviços, de Paulista (PE).

As duas parcerias foram oficializadas durante a mesma solenidade de comemoração do aniversário de 15 anos do assentamento Virgulino Ferreira, de trabalhadores rurais sem terra (MST). O local foi ocupado em abril de 1998. Naquele ano, cerca de 120 famílias, inicialmente, começaram a produzir e sobreviver do sustento daquelas terras. A festa contou com café da manhã coletivo, logo nas primeiras horas da manhã e depois com apresentações culturais, seminário e culto ecumênico. O coordenador nacional do MST, Jaime Amorim, também participou da solenidade.

“Com a garantia do milho, através do Governo do Estado; e do piçarramento, embueiramento e construção de passagens molhadas, via Governo Federal, a zona rural do nosso município vai poder escoar com qualidade a sua produção. Agradecemos os esforços e a atenção que vem sendo dada a Serra Talhada pelo governador Eduardo Campos, bem como a nossa constante ajuda e subsídio da presidente Dilma”, comemorou o prefeito Luciano Duque. “Independente da posição política, temos que nos unir em favor do desenvolvimento local. E é isso que está aconteceu aqui hoje”, agradeceu.

Além do assentamento Virgulino Ferreira, serão beneficiadas outras comunidades do entorno da barragem de Serrinha como os povoados rurais de Poldrinhos, Bela Vista e Gilvan Santos.